Bom ambiente

Em Ourém, o bom design e a eficiência energética guiaram um projeto que, numa paisagem natural, observou as melhores práticas sustentáveis

Filipe Saraiva, arquiteto, mudou de casa em janeiro do ano passado. Foi o próprio que a concebeu, inspirado nos desenhos dos filhos. Com um sistema de construção modular, a casa produz eletricidade e é um exemplo de sustentabilidade, um dos pilares da estratégia e da cultura da Galp.

1/6
2/6
3/6
4/6
5/6
6/6

Construída em betão e aço, todos os elementos foram pensados numa lógica de boas práticas ambientais: “O desenho teve em conta a orientação solar e o sombreamento exterior, para um comportamento térmico adequado”, explica o arquiteto. “Os custos energéticos – iluminação e climatização – são reduzidos graças aos painéis solares para aquecimento de águas e produção de energia para autoconsumo.” Instalada num terreno com 3250 m2, a zona exterior tem um sistema de reutilização de águas pluviais e drenagem de terreno onde existem apenas espécies autóctones.


Casa em Ourém

Projeto: Filipe Saraiva Arquitetos.
Área: 410 m2.
A casa situa-se em Ourém, num terreno rural, com paisagem predominantemente natural, caracterizando-se por uma configuração retangular.