“Mergulho” a cinco mil metros de profundidade

Esta é uma viagem extraordinária, que integra um projeto de inteligência artificial desenvolvido pela Galp e pela IBM para recolher dados do fundo do mar

Resultado de uma parceria entre a Galp e a IBM Research Lab, esta jornada às profundezas do oceano foi estreada no Rio Oil & Gas, no Rio de Janeiro, e esteve em Portugal durante a Singularity University. O objetivo foi mostrar o que está a ser feito em termos de inovação, pelas duas empresas, para melhorar a interpretação sísmica na área da exploração petrolífera e de gás.

Inédita na indústria a esta escala, a ferramenta de assistência virtual, suportada em soluções de inteligência artificial (IA), é fruto de um projeto de investigação de três anos e vai ajudar os geocientistas a desenvolverem modelos geológicos mais rigorosos, a avaliarem melhor o risco das prospeções e a otimizar a localização de novos poços petrolíferos.